Detalhes

Cântico Budista. Prajna-paramita Hrdaya Sutram por Imee Ooi. Em sânscrito.

+++
Neste Sūtra, o bodhisattva da compaixão, Avalokiteśvara, sânscrito  “Aquele que olha para baixo” (em socorro dos seres em sofrimento) descreve a vacuidade (Shunyata) a Shariputra  por meio de uma metáfora para a originação dependente e as Duas verdades: (a conhecida afirmação de que) “forma é vacuidade, vacuidade é forma”. Declara que também os skandhas, isto é, os cinco agregados da existência humana, são, eles próprios, vazios. “Dessa forma, Avalokiteśvara  afirma que o transcendente é encontrado apenas em sua manifestação no imanente, e em nenhum outro lugar”. (1977)

Deixe um comentário!

O seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

*